domingo, 14 de dezembro de 2008

Aceita

Queria deixar de sentir que as tuas
palavras me matam a cada instante.
Se agora me achas distante,
não duvides, a culpa é tua.
Aceita que não te soubeste dar,
afinal amar não é coisa simples.
E na simplicidade desse não saber
aceita que as tuas palavras provocam em mim
ataques de fúria que me furam o peito,
fazendo-me romper o chão deste jeito.

3 comentários:

Ritz disse...

"If you wanna play it like a game
Well come on, come on let's play
Cause I'd rather waste my life pretending
Than have to forget you for one whole minute"

Nádia Paiva disse...

A minha banda vai tocar isso! :)

Ritz disse...

yup, já ouvi dizer